domingo, 31 de maio de 2015

"Terremoto: A Falha de San Andreas" não deixa pedra sobre pedra

San Francisco e Los Angeles serão devastadas por terremotos provocados pela falha de San Andreas (Fotos: Warner Bros. Pictures/Divulgação)

Maristela Bretas


Para quem está à procura de um filme de ação do início ao fim, com excelentes efeitos especiais, tragédia, terremotos, tsunami e tensão, a pedida é "Terremoto: A Falha de San Andreas" ("San Andreas"), que está em cartaz nos cinemas de BH. Talvez o melhor do gênero entre os últimos produzidos, apesar dos clichês e de cenas que lembram outros filmes deste tipo. E apesar de vir também na versão 3D, as cenas de destruição não perdem muito o impacto na exibição normal.

Contando com Dwayne Johnson no papel principal como um integrante da força de resgate aéreo de Los Angeles, o filme explora um temor que os norte-americanos da Costa Oeste sempre tiveram - o dia em a famosa falha localizada na Califórnia resolvesse se mover e provocasse um terremoto de proporções inimagináveis.

E é exatamente essa a história: são quase duas horas de tremores, prédios rachando e caindo, fugas espetaculares de avião e helicóptero, resgates quase impossíveis que somente o mocinho "The Rock" poderia realizar. E ao final, uma mensagem bem patriótica, como era esperada neste tipo de filme-catástrofe.


Isso não desmerece a produção. Ao contrário, cumpre o que já era esperado para esse gênero de ação. Como aconteceu em "2012". Por sinal, os dois são muito parecidos, até mesmo na história que serve de pano de fundo para a megatragédia.

Dwayne é o piloto de helicóptero Ray, ex-combatente do Afeganistão e atualmente chefe de uma equipe de resgate dos bombeiros de Los Angeles. Quando fortes tremores provocados pela falha de San Andreas começam a atingir a cidade, ele precisará salvar sua ex-mulher Emma (Carla Gugino) e a filha Blake (a linda Alexandra Daddario, de "Percy Jackson: Ladrão de Raios"), que se encontra em San Francisco, onde acontecerá o maior estrago.



A jovem está acompanhada de dois jovens irmãos britânicos - Ben (Hugo Johnstone-Burf) e Ollie (Art Parkinson) - que visitam a cidade pela primeira vez. Enquanto isso, o pesquisador e sismólogo Lawrence (Paul Giamatti) e a repórter de TV Serena (Archie Panjabi) tentam avisar ao resto do país o perigo que está por vir e a necessidade de uma evacuação imediata das cidades.

"Terremoto - A Falha de San Andreas" é indicado aos fãs dos gênero catástrofe e vale por suas cenas, quase reais, que levam a pensar se uma tragédia de tamanha intensidade pode acontecer um dia, como foi previsto por vários pesquisadores. O filme pode ser conferido nas versões legendadas e dubladas em 36 salas de cinema de 19 shoppings de BH, Contagem e Betim.


Galeria de fotos


Ficha técnica:
Direção: Brad Peyton
Produção: Village Roadshow Pictures
Distribuição: Warner Bros. Pictures do Brasil
Duração: 1h54
Gêneros: Ação/ Aventura
País: EUA
Classificação: 12 anos
Nota: 4 (0 a 5)


Tags: Terremoto: A Falha de San Andreas; Dwayne Johnson; Carla Gugino; Alexandra Daddario; catástrofe; ação; aventura; tsunami; destruição;Warner Bros. Pictures; Village Roadshow; Cinema no Escurinho