sexta-feira, 22 de agosto de 2014

"Os Mercenários 3" reúne elenco de peso, mas perde o estilo pancadaria debochada



Com mais atores que os filmes anteriores, produção reúne elenco de peso e novatos (Fotos: Califórnia Filmes/Divulgação)

Maristela Bretas

Faltaram pancadaria, tiros e explosões, não tem sangue e a ação deu lugar a cenas arrastadas que poderiam ter sido trocadas por mais "porrada" e diálogos debochados entre os velhos atores. Afinal era isso que se esperava de "Os Mercenários 3" ("The Expendables 3"). Mas o novo filme da famosa franquia deixou a desejar. Não chega aos pés de seus antecessores, principalmente do segundo, que é imbatível.



Nem mesmo o elenco maior (que mal cabe no pôster), com nomes de peso, conseguiu dar o gás que o filme precisava. Talvez se Sylvester Stallone (ator, roteirista e produtor) tivesse assumido também a direção, o resultado fosse melhor. 


Teria sido muito bom poder contar novamente com Chuck Norris e Bruce Willis, que deu lugar a Harrison Ford. O time de peso recebeu ainda o reforço de Wesley Snipes, Mel Gibson (está ótimo como o vilão) e Antonio Banderas.

Em compensação, o time de recrutas deixa a desejar - bombadinhos, rostinhos bonitos, mas não passam de figuração pouco expressiva. No final, a velha guarda de Stallone, conhecida dos filmes anteriores, é que faz a festa dos fãs.

No novo filme, Barney (Stallone) e seu grupo, agora reduzido, resgata da prisão um antigo parceiro mercenário - Doc - que vai ajudá-los numa missão para prender um dos maiores traficantes de armas do mundo. 


Durante a ação, Barney descobre que seu alvo é um antigo companheiro de equipe, Conrad Stonebanks (Gibson), que ele julgava ter matado. 

Para se vingar do inimigo, Barney dispensa seu antigo grupo - Christmas (Jason Statham), Gunner (Dolph Lundgren) e Toll (Randy Culture) e forma uma equipe só de novatos para ajudá-lo na caçada. 


O novo filme conta ainda com nomes do elenco antigo como Terry Crews, Jet Li e Arnold Schwarzenegger, além dos jovens integrantes: Kellan Lutz, a lutadora de UFC Ronda Rousey, Glen Powell e Victor Ortiz. 

Mas apesar de ter perdido seu estilo "atira antes e pergunta depois", o filme deverá agradar ao público que já se tornou fã do grupo de mercenários "quase bonzinhos" e bons de briga chefiados pelo ex-Rambo.

Ficha técnica:
Direção: Patrick Hughes
Produção: Nu Images Filmes/Milennium Films
Distribuição: California Filmes
Duração: 2h07
Gênero: Ação/Aventura
País: EUA/França
Classificação: 14 anos
Nota: 3,5 (0 a 5)

Tags: Os Mercenários 3; Sylvester Stallone; Mel Gibson; Arnold Schwarzenegger; Harrison Ford; Jason Statham; Wesley Snipes; Antonio Banderas; aventura; ação; California Filmes, Cinema no Escurinho