quarta-feira, 25 de maio de 2016

Seth Rogen aposta na piada para tratar de tema sério em "Vizinhos 2"

"Vizinhos 2" é comédia que critica machismo de fraternidades (Fotos: Universal Pictures/Divulgação)

Maristela Bretas


Seth Rogen resolveu ampliar seu trabalho e além de ser um dos atores principais, divide o roteiro de "Vizinhos 2" ("Neighbors 2 - Sorority Rising") com o diretor Nicholas Goldberg e Evan Goldberg, seu parceiro também na produção. E o resultado é uma continuação da comédia só que numa versão feminina que alfineta o lado machista das fraternidades norte-americanas que permitem somente aos homens a realização de festas.

Se no primeiro filme, o casal Mac (Rogen) e Kelly Radner (Rose Byrne) era atormentado pelos vizinhos estudantes comandados pelo belo sarado Teddy Sanders (Zac Efron), a ameaça na continuação agora é a bela loirinha Shelby (a atual menina dos olhos de Hollywood, Chloë Grace Moretz) e suas amigas recém aceitas na universidade.

A comédia, dirigida novamente por Nicholas Stolier, aborda um pouco de tudo: pais que se acham liberais, mas são irresponsáveis, juventude incontrolável, medo de assumir a responsabilidade que chega com a idade, muita maconha e farras sem limite. Ao mesmo tempo critica o fato de que as mulheres são vistas como presas fáceis nas festas organizadas pelas fraternidades masculinas, E acabam se tornando vítimas de assédios e estupros, cada vez mais crescentes nas escolas dos EUA.

O grupo de Shelby não se conforma com a norma de que precisam usar roupas provocantes para frequentarem as festas promovidas nas casas das fraternidades masculinas. E que apenas os rapazes podiam fazer tais festas. Elas resolvem fundar a primeira fraternidade de mulheres - a Kappa Nu.

Para desespero de Mac e Kelly, o local escolhido para ser a sede é justamente o casarão ao lado de sua casa, que está à venda. E as jovens vão mostrar que podem ser bem piores que os antigos vizinhos. Novamente, uma guerra será travada entre os vizinhos, que contarão com a participação do seminu Teddy para apimentar, em todos os sentidos, a disputa.

Para quem gostou da primeira comédia a grande chance de simpatizar com esta pelas piadas e algumas situações engraçadas. Seth Rogen insiste no papel do vizinho coroa que curte muita maconha enquanto ele e a mulher deixam a filha pequena brincar com um vibrador como se fosse uma boneca de pano. 

Apesar de ter a mesma cara de outras produções, ele segura bem o papel, assim como Byrne e Efron. Mas Moretz está um pouco forçada como a líder da Kappa Nu que briga por direitos iguais nas fraternidades como se fosse uma menina mimada.

"Vizinhos 2" é um filme mais fraco que seu antecessor, mas soube inserir temas sérios em seu contexto sem cair na chatice ou no pieguismo.  A produção está em exibição em 16 salas de 13 shoppings de BH, Betim e Contagem, nas versões dublada e legendada.



Ficha técnica:
Direção: Nicholas Stolier
Produção: Good Universe
Distribuição: Universal Pictures
Duração: 1h35
Gênero: Comédia
País: EUA
Classificação: 16 anos
Nota: 3 (0 a 5)

Tags: #vizinhos2, #SethRogen, #ZacEfron, #RoseByrne, #ChloeGraceMoretz, #comédia, #NicholasStolier, #UniversalPictures, #CinemanoEscurinho, #TudoBH