domingo, 29 de abril de 2018

"Gringo - Vivo ou Morto" - Mais do mesmo recheado de clichês

David Oyelowo se envolve com uma quadrilha de tráfico de drogas graças a Charlize Theron e Joel Edgerton (Foto: Diamond Films/Divulgação)

Mirtes Helena Scalioni


O gênero é misto, entre a comédia e a ação, temperado com uma pitada de lição de vida. Assim é "Gringo - Vivo ou Morto", diretor estreante Nash Edgerton que é irmão de Joel Edgerton, que faz um dos principais papéis no filme, o empresário Richard Rusk, exatamente o contraponto do - digamos - mocinho Harold Soyinka, interpretado pelo inglês David Oyelowo ("Selma", "O Mordomo da Casa Branca", entre outros). Estão ainda no elenco a loiríssima Charlize Theron como a suspeitíssima namorada de Rusk, Elaine Markinson; Thandie Newton como Bonnie, a também suspeita mulher de  Harold, e a boa gente Sunny, feita por Amanda Seyfried.

A história é mirabolante e mistura duas ou três tramas que, obviamente, se encontram e se encaixam em algum momento. Harold é um típico funcionário exemplar de uma empresa de medicamentos. É apaixonado pela esposa Bonnie, que de certa forma o explora financeiramente, e o deixa mal das pernas. Pensa ser amigo do chefe, o empresário Richard Rusk que, além de namorador inveterado, não prima exatamente pela honestidade. Uma de suas amantes é Elaine Markinson, parceira de falcatruas, numa interpretação meio exagerada e quase caricata de loira fatal e vulgar. 

Tudo começa quando o poderoso casal manda o inocente Harold para o México a trabalho e é lá que ele descobre as reais atividades da dupla, entre elas o tráfico de drogas, e terá que fazer de tudo para sobreviver à situação cada vez mais perigosa.

A partir daí, o filme não foge à regra e a trama não decepciona quem espera mais do mesmo quando se trata de uma comédia de ação. São clichês atrás de clichês, com direito a chefe do tráfico cujo nome é Pantera Negra, estereótipos de mexicanos violentos e mercenários, muitas perseguições de carros, muito tiroteio, muita confusão e algumas coincidências para acabar de amarrar a história. Nada, absolutamente nada de novo, nem mesmo para os apreciadores do gênero.



Ficha técnica:
Direção: Nash Edgerton
Produção: Amazon Studios
Distribuição: Diamond Films Brasil
Duração: 1h50
Gêneros: Comédia / Ação
Países: EUA/ Austrália
Classificação: 14 anos

Tags: #GringoVivoOuMorto, #Gringo, #DavidOyelowo, #JoelEdgerton, #CharlizeTheron, #AmandaSeyfried, #comedia, #acao, DiamonfFilmsBrasil, #AmazonStudios, #cinemas.cineart, #CinemanoEscurinho