segunda-feira, 22 de setembro de 2014

"O Protetor" é um filme com a marca e a competência de Denzel Washington

Denzel Washington é um ex-agente que sai em defesa de pessoas indefesas (Fotos: Sony/Divulgação)


Maristela Bretas

Denzel Washington não é mais aquele mocinho bonito, que corria, batia, saltava muros e foi sonho de consumo de muitas mulheres. Mais velho e fazendo a linha aposentado solitário, ele estreia nesta quinta-feira "O Protetor" ("The Equalizer"), filme no qual também é um dos produtores.



Nem por isso ele perdeu o sorriso charmoso e a competência para fazer um ótimo filme de espionagem, com muita ação e violência, o ator mostra que ainda tem muito fôlego pela frente, sempre mantendo seu estilo cara de mocinho que não tem pena de bandido.


Depois de "Dose Dupla", de 2013, em que contracenou com Mark Wahlberg, ele volta mais tranquilo, mas não menos mortal. Tenta até ser "bonzinho" com seus inimigos, dando-lhes a chance de consertarem seus erros antes de pagarem por eles. 

Muito bem conduzido, "O Protetor" é baseado na série de TV "The Equalizer" que fez sucesso de 1985 a 1989, com o ator Edward Woodward. Denzel é também um dos produtores do filme.

Nesta nova versão, o personagem Robert McCall (Denzel Washington) é um homem misterioso, que leva uma vida literalmente cronometrada. 
Ele é um ex-policial que agora trabalha numa loja de materiais de construção, sem que as pessoas saibam de seu passado.

Ao conhecer uma jovem prostituta Teri (Chloë Grace Moretz, de "Se Eu Ficar") que se torna vítima da máfia russa que explora menores, ele deixa sua pacata vida para voltar aos tempos de agente das Forças Especiais. 


E ajudar aqueles que estão em perigo e passam por seu caminho. Entre os novos inimigos que vai formando, ele terá de enfrentar Teddy (Marton Csokas), um assassino contratado pelo chefão russo.

Uma das cenas que chama atenção pela forma como foi conduzida, apesar da violência, ganhou um trailer estendido de 4min30, com entrevistas do ator e do diretor: Robert Mc Call precisa enfrentar uma quadrilha de assassinos em 16 segundos.




Ficha técnica
Direção: Antoine Fuqua
Produção: Columbia Pictures/Village Roadshow Pictures
Distribuição: Sony Pictures
Duração: 2h11
Gênero: Ação/Policial
País: EUA
Classificação: 16 anos
Nota: 4,5 (0 a 5)


Tags: O Protetor; Denzel Washington; Chloë Grace Moretz; espionagem; ação; policial; Sony Pictures; Cinema no Escurinho