segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

"O Regresso", "Perdido em Marte" e "Steve Jobs" brilham no Globo de Ouro 2016

"O Regresso" conquistou os prêmios de Melhor Filme, Melhor Ator e Melhor Diretor
 (Fotos: Divulgação)

Maristela Bretas


Com apresentação principal do ator Ricky Gervais, muitas celebridades do cinema e da TV e um evento mais agitado por conversas que em anos anteriores, foram anunciados na noite de domingo e madrugada desta segunda-feira os ganhadores do Globo de Ouro 2016 (Golden Globe Awards). O vitorioso da noite foi o "O Regresso", que conquistou três estatuetas - Melhor Filme, Melhor Ator - Leonardo DiCaprio - e Melhor Diretor - Alejandro González Iñarritu.

O primeiro anúncio foi feito pela dupla Channing Tatum e Jonah Hill, que apresentou o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante. E a escolhida foi Kate Winslet, por seu papel no filme "Steve Jobs". 

Dwayne Johnson e Jennifer Lopez entregaram o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante de Minissérie ou Telefilme, a Maura Tierney, por "The Affair". Rachel Bloom, da série "Crazy Ex-Girlfriend" venceu como Melhor Atriz em Série de Comédia de TV. Já a estatueta de Melhor Série de TV na categoria de Comédia/ Musical foi para "Mozart in the Jungle".

Viola Davis, da série "To Get Away With Murder", começou anunciando os filmes que estavam na disputa do prêmio de Melhor Filme do cinema. O primeiro foi "Carol". Matt Damon, que também disputava o prêmio de Melhor Ator, anunciou "Perdido em Marte". Melissa McCarthy e Jason Statham anunciaram o filme "A Espiã Que Sabia de Menos". 


Jennifer Lawrence e Amy Schummer apresentaram os filmes "Descompensada" e "Joy: O Nome do Sucesso". Com algumas gracinhas, Ryan Gosling e Brad Pitt (também produtor do filme) fizeram o anúncio de "A Grande Aposta". Mel Gibson, que atuou nos três primeiros filmes da franquia "Mad Max", ficou com a responsabilidade de anunciar "Mad Max - Estrada da Fúria". Chris Evans (o belo Capitão América) contou um pouco sobre a história de "Spotlight - Segredos Revelados", outro dos candidatos. Os últimos filmes anunciados foram "O Quarto de Jack" e "O Regresso". 

O Globo de Ouro de Melhor Minissérie ou Telefilme ficou para "Wolf Hall". Jamie Alexander e Amber Heard anunciaram o prêmio de Melhor Ator de Minissérie ou Telefilme, levado por Oscar Isaac, por "Show Me a Hero". Ele também pode ser visto em "Star Wars - O Despertar da Força", no papel do mocinho Poe Dameron.

Lady Gaga, também entre as indicadas, entregou a Christian Slater o prêmio de Melhor Ator Coadjuvante em série de TV, Minissérie ou Telefilme, por "Mr. Robot". Ela está passando no Brasil e entra em sua segunda temporada no canal a cabo Space. E conquistou seu segundo prêmio da noite, como Melhor Série de Drama. 

Quentin Tarantino recebeu o prêmio por Ennio Morricone de Melhor Trilha Sonora Original, feita para o filme "Os Oito Odiados", que ele dirigiu. Esta foi o terceiro Globo de Ouro do compositor de 87 anos, autor de mais de 500 obras musicais para filmes e programas de TV.

Uma pena, mas Wagner Moura, que interpretou Pablo Escobar na série de TV "Narcos", exibida pela Netflix, não levou o prêmio e Melhor Ator em Série de Drama em TV, que ficou para Jon Hamm, por "Mad Men".

Amy Adams foi a responsável por entregar o Globo de Ouro para Matt Damon, como Melhor Ator de Comédia ou Musical. Ele interpretou um astronauta esquecido no planeta vermelho em "Perdido em Marte". No discurso ele mandou os filhos dormirem cedo, agradeceu à esposa, ao diretor Ridley Scott e a todos que trabalharam na produção.

Não poderia ser diferente. O Melhor Filme de Animação do Ano ficou para "Divertida Mente", uma escolha mais que esperada e merecida. A estatueta foi entregue aos diretores da Pixar/Disney.

Sylvester Stallone foi uma das premiações mais comemoradas da noite ao conquistar seu primeiro Globo de Ouro como Melhor Ator Coadjuvante pelo filme "Creed". Ele interpreta o treinador de um jovem boxeador, relembrando os bons tempos de "Rocky, um Lutador". Stallone agradeceu a família e os produtores e, principalmente, ao amigo imaginário Rocky Balboa, que ele chamou de o melhor amigo que jamais teve.

Will Ferrell e Mark Walberg com óculos coloridos de 2016 reclamaram do ruído da plateia (assim como outros apresentadores) e do pessoal da TV e anunciaram o ganhador de Melhor Roteiro. O prêmio ficou para "Steve Jobs”, do roteirista Aaron Sorkin. 


Gael García Bernal ganhou o reforço dos super-heróis das séries "Supergirl" e "The "Flash" ao ser anunciado como o vencedor de Melhor Ator por Comédia ou Musical pelo filme "Mozart  In The Jungle".

Helen Mirren demonstrou com muita alegria sua satisfação em anunciar a produção húngara "Filho de Saul" como a vencedora do prêmio de Melhor Filme Estrangeiro, previsto para estrear em março deste ano nos cinemas brasileiros.


Lady Gaga, de longo preto, ficou muito emocionada ao conquistar seu primeiro Globo de Ouro como Melhor Atriz de Minissérie ou Telefilme por "American Horror Story: Hotel". Ela agradeceu a todos e disse que queria ser atriz antes de ser cantora, mas que a carreira musical deu muito certo.

Katy Perry anunciou a Melhor Canção Original, que saiu  para "Writing's On The Wall" (Sam Smith), do filme "007 Contra Spectre". Nada merecido. A música é muito fraca e é inevitável não comparar com "Skyfall", de Adele, esta sim, merecedora do Globo de Ouro e Oscar.

O grande ganhador de Oscar, Tom Hanks (muito gripado) também chamou a atenção da plateia pelo barulho excessivo. E anunciou a homenagem, mais que merecida ao também premiado Denzel Washington por seu trabalho, personalidade e grandeza pelo conjunto de obras que interpretou. Hanks comparou o colega a antigos astros do cinema, como Humphrey Bogart que deixaram sua marca em Hollywood. Em seguida foram exibidos vários filmes de Denzel, que recebeu o prêmio especial Cecil B. DeMille. Ele foi aplaudido de pé e fez seu discurso acompanhado da mulher e de três dos quatro filhos ao palco. 

Morgan Freeman, anunciado pelo apresentador por Ricky Gervais como um dos mais respeitados atores do evento, entregou a  Alejandro González Iñarritu o prêmio de Melhor Diretor por "O Regresso", que tem Leonardo DiCaprio no papel principal. O filme deverá estrear no Brasil somente em 24 de fevereiro.

Na categoria Melhor Atriz de Série em Drama, a vencedora foi Taraji P. Henson, por "Empire", sobre uma ex-presidiária que passou 17 anos na cadeia vendendo crack.

Michael Keaton anunciou o nome de Jennifer Lawrence  como a ganhadora do prêmio de Melhor Atriz de Comédia ou Musical por "Joy: O Nome do Sucesso". Esta é a terceira estatueta da atriz, que já foi vencedora por "O Lado Bom da Vida" e "Trapaça".

Jim Carey, barbado, falou de seus dois Golden Globes e do sonho de ganhar o terceiro, fez piada sobre a premiação e anunciou o vencedor de uma categoria que ele conhece bem - Melhor Comédia. E o prêmio ficou para "Perdido em Marte". O diretor Ridley Scott agradeceu ao prêmio (o segundo da noite) que ele achava que receberia somente depois de morto, elogiou os outros candidatos e ao sucesso de outros filmes, como "Star Wars - O Despertar da Força". 


Eddie Redmayne, na disputa como melhor ator de Drama, entregou o Globo de Ouro para Brie Larson como Melhor Atriz de Drama por sua interpretação em "O Quarto de Jack". A jovem atriz agradeceu a todos e principalmente à família e é uma das mais fortes candidatas ao Oscar deste ano.

Já Julianne Moore ficou com a responsabilidade de entregar a estatueta de Melhor Ator de Drama a Leonardo DiCaprio por sua excelente atuação em "O Regresso". Ganhador de três Globos de Ouro (e nenhum Oscar), ele foi aplaudido de pé e, emocionado, falou da dificuldade de filmagem e agradeceu e lembrou a importância dos povos indígenas e da necessidade de preservar suas terras.




Mal tinha acabado de ser aclamado como um dos fortes candidatos ao Oscar, "O Regresso" voltou a brilhar, com a conquista da maior premiação, como Melhor Filme. E o diretor Alejandro González Iñarritu subiu novamente ao palco e recebeu a estatueta das mãos do premiado ator Harrison Ford. "O Regresso" disputava com "Spotlight - Segredos Revelados", "Carol", "O Quarto de Jack" e "Mad Max - Estrada da Fúria".


Confira a lista abaixo dos premiados

CINEMA

MELHOR FILME  - "O Regresso"

MELHOR FILME - COMÉDIA/MUSICAL - "Perdido em Marte"

MELHOR DIRETOR - Alejandro González Iñarritu ("O Regresso")

MELHOR ATOR - DRAMA - Leonardo DiCaprio ("O Regresso")

MELHOR ATRIZ - DRAMA - Brie Larson ("O Quarto de Jack")

MELHOR ATOR - COMÉDIA/MUSICAL - Matt Damon ("Perdido em Marte")

MELHOR ATRIZ - COMÉDIA/MUSICAL - Jennifer Lawrence ("Joy: O Nome do Sucesso")

MELHOR ATOR COADJUVANTE - Sylvester Stallone ("Creed")

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE -  Kate Winslet ("Steve Jobs")

MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO - "Divertida Mente"

MELHOR FILME ESTRANGEIRO - "Filho de Saul" (Hungria)

MELHOR ROTEIRO - Aaron Sorkin, por "Steve Jobs"

MELHOR TRILHA SONORA - "Os Oito Odiados"

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL - Writing's On The Wall ("007 Contra Spectre")


TELEVISÃO

MELHOR SÉRIE DE TV - DRAMA - "Mr. Robot"

MELHOR SÉRIE DE TV - COMÉDIA/MUSICAL - "Mozart in the Jungle"

MELHOR MINISSÉRIE/TELEFILME - "Wolf Hall"

MELHOR ATOR - DRAMA - Jon Hamm ("Mad Men")

MELHOR ATRIZ - DRAMA - Taraji P. Henson ("Empire")

MELHOR ATOR - COMÉDIA/MUSICAL - Gael García Bernal ("Mozart In The Jungle")

MELHOR ATRIZ - COMÉDIA/MUSICAL - Rachel Bloom ("Crazy Ex-Girlfriend")

MELHOR ATOR - MINISSÉRIE/TELEFILME - Oscar Isaac ("Show Me a Hero")

MELHOR ATRIZ - MINISSÉRIE/TELEFILME - Lady Gaga ("American Horror Story: Hotel")

MELHOR ATOR COADJUVANTE - SÉRIE DE TV/MINISSÉRIE/TELEFILME - Christian Slater ("Mr. Robot")

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE - SÉRIE DE TV/MINISSÉRIE/TELEFILME - Maura Tierney (The Affair)


Tags: #ORegresso, #RidleyScott, #LeonardoDiCaprio, #AlejandroGonzálezIñarritu, #Perdido em Marte, #BrieLarson, #MattDamon, #OQuartodeJack, #JenniferLawrence, #SylverterStallone, @Creed, #JoyONomedoSucesso, #GoldenGlobesAwards, #GlobodeOuro, #CinemanoEscurinho, #TudoBH