domingo, 3 de fevereiro de 2019

“Uma Nova Chance” - comédia romântica com Jennifer Lopez no estilo sessão da tarde

Filme conta, com humor, como uma simples vendedora se torna a alta executiva de uma empresa de cosméticos (Fotos: Motion Picture Artwork/Divulgação)

Maristela Bretas


Bem leve e sem grandes pretensões, a comédia romântica “Uma Nova Chance” ("Second Art") tem Jennifer Lopez como protagonista e principal atração. A atriz retoma o estilo que lhe garantiu bons filmes ao longo de 20 anos, como "Encontro de Amor" (2002), "A Sogra" (2005) ou "Plano B" (2010). 

Porém ficou muito limitada pelo fraco roteiro, recheado de clichês, em que a fórmula humor e seriedade não foi bem empregada, resultando num personagem muito comum em alguns momentos. Diria até que a Maya Vargas vivida por Lopez seria uma versão 2018 de Marisa Ventura, interpretada por ela em "Encontro de Amor".

Lopez é a principal vendedora de uma loja de cosméticos e produtos de beleza e está insatisfeita com sua vida profissional. Esta primeira parte da produção apresenta bons momentos cômicos, com o suporte de Leah Rimini (como Joan, sua melhor amiga), Charlyne Yi (Ariana, a funcionária atrapalhada) e Alan Aisenberg (Chase, o químico nerd).

Na segunda parte, Vanessa Hudgens (a estrela de "High School Musical") é Zoe, chefe de Maya, que inicialmente não aceita, mas depois cria laços de amizade com ela. Melodramática a aproximação, mas a química entre as duas atrizes até funciona. O ator Milo Ventimiglia ("Creed II") que faz Trey, o "namorido" sem tempero de Maya, também foi mal aproveitado - entra, some e volta e ninguém nem notou que ele saiu. Até Treat Williams foi tirado do baú e faz um empresário de sucesso que contrata a vendedora.

Com uma história que gira em torno de Maya, "Uma Nova Chance" começa abordando a a insatisfação da vendedora, que não tinha sua competência reconhecida na empresa em que trabalhava. Namorava um cara legal que gostava dela e queria que eles se casassem. Sempre rejeitada por não ter uma graduação, Maya vê sua vida dar uma reviravolta ao ter um perfil profissional falso criado nas redes sociais por seu afilhado, apresentando-a como uma destacada consultora de venda de cosméticos.

Por causa disso, é convidada por uma multinacional do ramo a prestar serviços para a empresa e cai nas graças do dono, desagradando à filha dele. Em meio a novos desafios, ela terá de provar que a experiência adquirida com anos de trabalho e contato direto com o público vale tanto quanto um diploma universitário. No entanto, toda essa mentira e o passado mal resolvido de Maya podem atrapalhar sua ascensão social. O filme é todo ambientado em Nova York e parece um outdoor multimarcas de cosméticos.

Claro que por ser uma comédia romântica o final feliz é esperado, com direito a mensagens do tipo - "a verdade é melhor que a mentira", "as coisas só acontecem quando as pessoas correm atrás de seus sonhos" ou "o amor supera tudo". Mas é graças a Lopez que "Uma Nova Chance" consegue, pelo menos, ser indicado para uma sessão em tarde chuvosa.


Ficha técnica:
Direção: Peter Segal
Produção: STX Films / H. Brothers
Distribuição: Diamond Films
Duração: 1h44
Gêneros: Comédia / Romance
País: EUA
Classificação: 12 anos
Nota: 2,5 (0 a 5)

Tags: #UmaNovaChance, #JenniferLopez, #VanessaHudgens, #DiamondFilms, #comediaromantica, @cinemanoescurinho

Nenhum comentário:

Postar um comentário