quarta-feira, 20 de maio de 2020

"Resgate" é sangue, suor, tiros e muita violência

Chris Hemsworth e o estreante ator indiano Rudhraksh Jaiswal formaram uma boa dupla (Fotos: Jasin Boland/Netflix)

Maristela Bretas


Os irmãos produtores Anthony e Joe Russo gastaram em "Resgate" ("Extraction") todo o estoque de sangue economizado em "Vingadores: Ultimato" (2019). E de quebra ainda aproveitaram o poderoso ex-Thor, Chris Hemsworth, para gastar o que sobrou do arsenal militar de armas, munição e explosivos. E novamente incorpora o perfil de beberrão atormentado pelo passado que usou no filme dirigido pela dupla.

Sob a direção de Sam Hargrave (coordenador de dublês de "Vingadores: Guerra Infinita" - 2018 e "Vingadores: Ultimato"), "Resgate", produção da Netflix que estreou em 24 de abril, é ação do início ao fim, com muitas cenas violentas, ótimas perseguições, bons tiroteio e pancadaria suficiente para mandar alguns dublês para o hospital. 


A trilha sonora ficou a cargo de Henry Jackman, também "pescado" da famosa franquia da Marvel pelas composições musicais de "Capitão América: Soldado Invernal" (2014) e "Capitão América: Guerra Civil" (2016). Além de sucessos como "Crime Sem Saída" (2019), "Jack Reacher: Sem Retorno" (2016) e os dois filmes de Jumanji: Bem-Vindo à Selva (2017) e "Próxima Fase" (2019).

Com ótimas locações em Bangladesh e Índia, especialmente nas capitais Daca e Mumbai, o filme expõe um contraste social que revolta. A miséria da maioria dos cidadãos de ambos os países contra a riqueza absurda e suntuosa de uma minoria, representada pelos chefões do crime organizado. 


Chris Hemsworth está muito bem no papel do ex-militar que se tornou um mercenário. Ele é contratado para resgatar em Bangladesh o filho de um poderoso traficante de drogas indiano sequestrado por outro chefão do tráfico do país vizinho. O elenco é pouco conhecido, exceto pelo protagonista, David Harbour ("Hellboy" - 2019) e Golshifteh Farahani ("Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar"- 2017). 


O sucesso do filme, além da ação, se deve a atuação de Hemsworth, como o mercenário Tyler Rake, e o estreante ator indiano Rudhraksh Jaiswal, que interpretou o garoto sequestrado Ovi Mahajan Jr. É na relação que surge entre a dupla que estão também os poucos momentos de drama da produção, que deve agradar àqueles que gostam do gênero ação com muita violência. Vale conferir.


Ficha técnica:
Direção: Sam Hargrave
Produção: Netflix
Distribuição: Netflix
Duração: 1h57
Gêneros: Ação / Suspense
País: EUA
Classificação: 16 anos
Nota: 4 (0 a 5)

Tags: #Resgate, #Extraction, @ChrisHemsworth, #DavidHarbour, #ação, #suspense, @Netflix, @cinemaescurinho, @cinemanoescurinho

Um comentário:

  1. Eu gostei do filme! Na verdade, eu gosto de filmes assim! Minha nota de 0 a 5 também foi 04.

    ResponderExcluir